Desde os primórdios da nossa civilização, é presente na cultura humana a junção de pessoas em um grupo de características incomuns que se relacionam com o modo de vida desse grupo. As gerações não fogem a essa regra. Com o passar do tempo percebe-se mudanças e grupos diferentes.

A juventude é, hoje em dia, um grupo social que caracteriza as gerações de cada época. Os traços vivenciados na juventude são tomados como ponto de referência das décadas e comparados as décadas que se seguem. O conflito dessas gerações se dá exatamente pelo fato de que com o passar do tempo, certos valores vivenciados com veemência, são perdidos e dão lugar a outros julgados incoerentes no passado.

É o que podemos chamar de nova era, onde os jovens, que virarão ponto de referência daqui a um tempo, renovam seus ideais, deixando para trás tudo o que julga velho, careta e ultrapassado, dando lugar a sonhos que se diferenciam das gerações anteriores. As revoluções antigas eram de verdade! Os jovens doavam suas vidas e davam literalmente seu sangue, para seus ideais! Hoje as pequenas manifestações de insatisfação são apenas para dizer que nossa geração não é, assim, tão acomodada, é apenas para aparecer e vem geralmente cheia de vazio.

Por outro lado, se esses ideais renovados se tornam divisores de águas, existe um ponto de renovação que pode aproximar gerações: as renovações tecnológicas! Os mesmos jovens que perdem valores antigos são os que dão a sociedade avanços tecnológicos. O processo de automatização que facilita a nossa vida em vários aspectos pode em alguns pontos, dificultar a vida dos mais velhos, que pertenceram a um modo de vida diferente e menos sedentário do que o modo de vida automatizado. Porém nós, enquanto seres humanos estamos o tempo inteiro tentando nos adaptar ao ambiente, é nesse aspecto que a convivência entre gerações se torna mais estreita, quando um precisa do outro pra compreender de forma clara, o uso de novas ferramentas criadas por essa geração atual.

As gerações são renovadas de acordo com o tempo e o espaço! Cada um consiste um grupo de aspectos, que criam, descriam, inventam e acreditam em coisas no decorrer de sua passagem. A formação de novas gerações, nada mais é do que a vivência do atual, misturado com experiências passadas, sobre aquilo que deve ou não se deve fazer. Por fim, as relações entre gerações estão intimamente ligadas pela troca de informações entre novas e velhas culturas.

2 comentários

  1. Silvio Campos on 14 de novembro de 2010 15:40

    é verdade, antes a unica "familia" colorida era a dos Power rangers ! hoje chega a dar desgosto..

     
  2. Igo Araujo on 23 de novembro de 2010 10:30

    a juventude de hoje acha que não há mais nada pelo que lutar. acham que o que vier é lucro. preferem dar replies e retwittes em campanhas ecológicas e achar que isso basta... é decepcionante, mas fazer o quê?...